BABEL

COADJUVANTE

Carla Dias

Carla Dias

Autora de "Estopim", "As Asas da Borboleta", "Jardim de Agnes", "Os Estranhos" e "Azul", além de participação com contos e crônicas em mais quatro coletâneas - entre elas, "Acaba Não, Mundo", do site "Crônica do Dia", onde ainda escreve às quartas-feiras.Trabalha como Produtora de Eventos junto à baterista Vera Figueiredo [IBVF Produções]. Vive em São Paulo.
Carla Dias

Últimos posts por Carla Dias (exibir todos)

Nasceu coadjuvante, faz a vez de figurante, quase sempre. É responsável por entregar a deixa, que foi eleito, na miúda, aquele que o faz com a maior sutileza. Passa despercebido, mesmo quando entregador de deixa de virada importante da trama. É assim que funciona a sua vida de coadjuvante. Passa pelas pessoas, enquanto a vida reage a ele como se fosse dispensável escrever um grande enredo em sua homenagem. Coadjuvante do cachê mísero, do silêncio pungente, da presença necessária. Colaborador do destino alheio, que sempre influencia e colabora com a existência do outro, mas sem se fazer perceber o suficiente para ser considerado importante. Aliás, nem se atreva a pensar que ele não merece tal consideração. O destino, certamente, há de lamentar não ter prestado atenção a ele como deveria. Também não o julgue, porque ele não é pessoa que faz nada e espera tudo como recompensa. Ele ser coadjuvante, até na própria história, tem garantido a muitos serem atores principais em suas biografias.
| Carla Dias | 
Imagem: O Ator © Pablo Picasso

Carla Dias

Carla Dias

Autora de "Estopim", "As Asas da Borboleta", "Jardim de Agnes", "Os Estranhos" e "Azul", além de participação com contos e crônicas em mais quatro coletâneas - entre elas, "Acaba Não, Mundo", do site "Crônica do Dia", onde ainda escreve às quartas-feiras. Trabalha como Produtora de Eventos junto à baterista Vera Figueiredo [IBVF Produções]. Vive em São Paulo.

Deixe um recado

Veja os livros que amamos em BABEL SHOP