HIPERBREVES

SIM

Carla Dias

Carla Dias

Autora de "Estopim", "As Asas da Borboleta", "Jardim de Agnes", "Os Estranhos" e "Azul", além de participação com contos e crônicas em mais quatro coletâneas - entre elas, "Acaba Não, Mundo", do site "Crônica do Dia", onde ainda escreve às quartas-feiras.Trabalha como Produtora de Eventos junto à baterista Vera Figueiredo [IBVF Produções]. Vive em São Paulo.
Carla Dias

Últimos posts por Carla Dias (exibir todos)

Imagem: Sleeping Beauty, escultura de Louis Sussman-Hellborn

Imagem: Sleeping Beauty, escultura de Louis Sussman-Hellborn

Entredentes, diz assim, a voz desprovida de ritmo, que sim, sim, por que não seria sim? Por que não? Talvez porque o sim saia dela assim, entredentes, a voz embrutecida pelo ritmo afirmativo ecoando externamente, enquanto o não está aos berros dentro dela. É tradição, repete a si. É servidão, revela a si. É cultural, entoa o mantra. É escravidão, engole em seco. Sim, ela diz. E sorri o sorriso dos que não têm escolha, imaginando como será sua vida neste aceite. Enquanto outros definem seu caminho, seu espírito, esse desavergonhado, abraça a liberdade, viaja para longe. Ela sorri copiado. Atuação de aprazimento. Alguém a escolheu, que ela atende a todas as demandas, menos aos seus desejos. Por fora, ela é apenas mais uma a se curvar à tradição, à crença, à cultura na qual nem mesmo acredita. Por dentro, nunca saberão, ela vive livre, como jamais viverá nessa realidade que a torna moeda de troca. Que a torna servil aos desejos que não os dela. Não os dela.

Carla Dias

Carla Dias

Autora de "Estopim", "As Asas da Borboleta", "Jardim de Agnes", "Os Estranhos" e "Azul", além de participação com contos e crônicas em mais quatro coletâneas - entre elas, "Acaba Não, Mundo", do site "Crônica do Dia", onde ainda escreve às quartas-feiras. Trabalha como Produtora de Eventos junto à baterista Vera Figueiredo [IBVF Produções]. Vive em São Paulo.

Deixe um recado

Veja os livros que amamos em BABEL SHOP